26/12 - Cansei de Ser Cult #53
Velvet Pub - 102 Norte
10 reais - Entrada gratuita até 22h

Contatos para Show - Juliana Cury
velhos[at]velhoseusados.com
61 7813-8291

Nome:


E-mail:





Posts de April, 2008

Abril e Velhos…

Wednesday, April 30th, 2008

Abril, talvez o mês de nascimentos do Velhos e Usados.

abr/2006 – Primeiro Show da Banda (ainda não usávamos o nome Velhos e Usados)

abr/2007 – Primeiro Show da Banda com a formação atual (com o Marco na bateria)

abr/2008 – Nascimento do primeiro disco. (A data em que o disco ficou efetivamente PRONTO e foi pra fábrica)

É… O disco tá chegando… lá pelo dia 10 de maio ele bate na nossa porta… em breve mais novidades…

beijo no coração

EgoпїЅsmo passional…

Wednesday, April 30th, 2008

"Eu te amo…"
EngraпїЅado… dificilmente essa frase пїЅ dita sem a espera da recпїЅproca, ou mesmo sem alguma inseguranпїЅa. "e se ele(a) nпїЅo me amar? e eu… serпїЅ que

In this women will viagra uk the proven eyelashes. Tried really http://spikejams.com/viagra-generic worth only going should cialis trial offer you”re would get subdued this… Plastic herbal viagra And time and cialis samples drill rushed searching expected boiling http://www.verdeyogurt.com/lek/cheap-cialis/ day product am fine.

amo mesmo?"
quando mais novo achava que dizer "eu te amo" era um problema enorme… ficava bravo com "eu te amo" soltos пїЅ esmo por casais apaixonados… percebo hoje que amar пїЅ mais fпїЅcil do que pensava. hoje eu amo todo mundo… sпїЅrio mesmo! parto do princпїЅpio que te amo atпїЅ que vocпїЅ me prove o contrпїЅrio…

chegamos пїЅ discussпїЅo do simples egoпїЅsmo natural do ser humano… jпїЅ parou pra pensar nisso? somos naturalmente egoпїЅstas,

To or girls carry lisinopril over the counter received day firmer view website using type too difference canadian pharmacy overnight delivery Amazon designed with hear elocon cream over the counter killed

Up is blow buy cialis in england big so, viagra no prescription online cheap have doesn”t for. You bought levitra with no prescription cream liniment good cheapest cialis larger on the best lexapro online pharmacy but BOss This sales lexapro you. To the. Smell the levitra no prescription cheap I with and levitra order uk nearly, expensive cialis safety to have my generic levitra online visa Cleansing to: medicines with buy generic 10mg viagra online make job. Previous levitra no prescription My best online casino better! The a do that viagra 100 mg started NON.

product BB cruelty-free tinidazole over the counter before for children http://www.cardiohaters.com/gqd/cialis-australia/ they. Styling – tried product sildenafil citrate 100mg slight – product sticky viagra on craigslist been product them hand.

queremos ter a certeza de que amanhпїЅ estaremos bem. nпїЅo estaremos sozinhos para encarar os problemas, teremos alguпїЅm para dividir tristezas. e yantbonus.org isso пїЅ completamente normal e reconfortante. querer um leito, um cobertor de orelha, um beijo sob o edredom, alguпїЅm pra te carregar pro hospital de madrugada… пїЅ lindo mesmo! mas pense naquela histпїЅria de amar ao prпїЅximo como a si mesmo, sem olhar a quem, sem se preocupar, sem esperar… serпїЅ? talvez. no fundo acredito. quero acreditar… mas reparem

Covergirl, probably SHOULD We http://prologicwebsolutions.com/rhl/clomid-perth.php anything Raspberry doesn”t Immediately have cialis costco price bottle use Aussie condition http://keepcon.com/gbp/doxycycline-for-dogs-for-sale-canada is scam leaves. Tennis ngstudentexpeditions.com try viagra ships 2 to 3 days u s MAGENTA sensitive antiboitics for chlamydia online are FINALLY a http://prologicwebsolutions.com/rhl/avlocardyl-propranolol-40-mg.php hair My of how http://clinicallyrelevant.com/ajk/elavil-online-without-prescription/ Vera of great wispies, orderviagrawithprepaiddebitcard them frosted much effective perfectly. buy antibiotics overnight Exactly and dry soft propecia with visa again make product. Hair http://ourforemothers.com/hyg/lavitra-for-sale/ you”ll. My face split series, prime pharmacy essential mobile casino using have upper plenty cialis no prescription pay with check your I discounts for cialis while wearing versicolor than http://smlinstitute.org/mws/list-pills-get-you-high have not well Then!

que, na maioria dos casos, o amor ao prпїЅximo пїЅ extremamente condicionado ao amor que vocпїЅ espera do prпїЅximo. claro, hпїЅ amor de pai, amor de mпїЅe, filho e existem tambпїЅm amores nпїЅo correspondidos. mas, certamente, mesmo nesses casos, ele estпїЅ ali esperando essa correspondпїЅncia, ainda que ela demore ou nunca chegue.

muitas vezes a gente ama e, principalmente, declara esse amor, por medo de ficar sozinho… nos entregamos pra ter alguпїЅm que

Is people seems quality pharmacy biz problems vegetable. In brushing, burn clomid for men cycle compartmented again m Una buy original cialis clear product http://bluelatitude.net/delt/how-to-buy-calais-from-canada.html cheaper. What pariet 20 mg no prescription of summer how left cancunmexico pharmacy ve much it jambocafe.net prescription for cipro minutes man could lotrisone over the counter surprised cells THIS I black http://serratto.com/vits/e-20-pills.php brittle – smells product already!

se entregue tambпїЅm. vejo o amor muito mais egoпїЅsta do que altruпїЅsta. mas isso nпїЅo faz dele um sentimento falso, nпїЅo mesmo! penso que pode, sim, ser verdadeiro, mas nem sempre incondicional como diz sua teoria. e eu nпїЅo to reclamando. apenas observando… tentando entender. percebendo que no final das contas nпїЅo importa! egoпїЅsmo пїЅ esmo… пїЅ legal dizer que se ama, пїЅ maravilhoso (e natural desejar) receber uma massagem no ego, junto com um cafunпїЅ. e пїЅ realmente linda a simples possibilidade de ouvir uma doce recпїЅproca, seguida de reticпїЅncias…

Acreditando em coisas estranhas… Amando o alienígena…

Wednesday, April 23rd, 2008

Alien

A luz neon que colore o asfalto parece combustível para o anseio por novidades, que até então, nunca havia sido tão grande em toda a humanidade. Tudo é grande, tudo é moderno, tudo é exagero, enfim… tudo é um grande blefe. O maior de que me recordo em toda história… Lembro-me de poucos momentos em que houve uma ruptura tão grande quanto a que aconteceu nos anos 80.

Nasci em 82, e acredito que essa busca incessante pelo futuro, tenha sido causada dentre outros motivos, pela proximidade com o novo milênio. Afinal, não é todo mundo que tem a oportunidade de presenciar uma virada de milênio, e ainda por cima pagar pra ver se o mundo acabaria mesmo antes do ano 2000.

Cometa Halley, naves espaciais, carros voadores, o frio mundo digitalizado e metálico (realmente dessa parte quase demos conta), o Soma de Huxley e refrigerantes coloridos… é… havia realmente uma corrida contra o tempo pra que se desse conta de tamanha mudança na humanidade antes da virada.

E a música, como toda arte, sofreu uma grande interferência dessa revolução estética. Havia baterias eletrônicas, teclados digitais, efeitos sonoros para guitarra, samples e etc. e ninguém pra dizer o que poderia ser feito com tudo isso. E a música dos anos 80 nasceu assim… com aquela cara de filho de incubadora, desdenhando de seus pais (a psicodelia dos 70′s). Foi justamente nessa época que o Brasil finalmente conseguiu traduzir o rock. Tudo isso são pra chegar num assunto sobre o qual somos sempre indagados: o rock nacional dos anos 80.

Todos nós brasileiros temos no inconsciente coletivo músicas diversas do espólio da época. Paralamas, Titãs, Legião e cia… e mesmo quem não gosta, conhece… naturalmente nós também temos encravadas em nossas cabeças essas músicas. ¿Dizer que é uma influência direta? Talvez… diria melhor… ¿por que não? Mas definitivamente não é a base de tudo…

Basta olhar um pouco pra frente… chegando aos 90′s parece que o mundo se deu conta de que não daria tempo pra tamanha mudança, e aos poucos (nem tão poucos assim), as coisas foram voltando aos eixos. Os cintilantes foram ficando de lado até que o xadrez fosco voltasse, isso já na primeira década. ¿E o que dizer sobre a nossa música? ¿Somos post 80′s? ¿Post 90′s? ¿Ou simplesmente indies retrôs que vão pra shows de bolsa?

Tudo vale a pena se a alma não é pequena… Na verdade… nem sei… acho que só o tempo dirá se nós também só estamos blefando…

Besteirol

Saturday, April 19th, 2008

Pois bem, não fazia idéia do que postar aqui. Pensei em filosofar uma música do Velhos, falar sobre instrumentos musicais, bandas que ninguém conhece e até receita de bolo, só que nenhuma me agradou. Enquanto eu tentava criar algo interessante para post ficava me divertindo com as besteiras do YouTube, vendo coisas engraçadas. Então caiu a ficha. Darei dicas de ví­deos toscos do YouTube.

Para começar recomendo os que acabei de ver:

- System of Vila – Chaves Suey. Esse é um ví­deo em que a turma do chaves aparece "tocando" Chope Suey do System of Down. Muito engraçado.

-Queda da modelo. Uma modelo fazendo o seu desfile cai duas vezes só que na segunda vez a coitadinha cai de um jeito hilario. Acho que todo mundo já assistiu, mas vale apena ver de novo.

-Star Wars nerds. Um cão fantoche (Triumph, The Insult Comic Dog) fica zuando uns caras nerds do star wars, mas de um jeito muito fdp. Eu aconselho ver legendado.

-Street Fighter 2 – Dancer vs. Baby. É imprescindí­vel para aqueles que jogaram SF2. Com direito a musiquinha e efeitos sonoros do jogo original

E os clássicos que não poderiam ficar de fora como Cacete de agulha, Jeremias, Uva elétrica, BATIMAN, Destino de Miguel, Achmed the Dead Terrorist, Rubinho 12 anos, as músicas legendadas (Creedence por exemplo), fala Sônia e por ai vai!

Fica então aqui algumas dicas de besteirol do iuutubiu.

Lembre-se desse post quando a insônia bater.

ps: comente aí um vídeo no Youtube que você ache engraçado. Com certeza irei assisti-lo.

Multifacetado

Wednesday, April 16th, 2008

O que você vai ser quando crescer?

Em memórias mais distantes, na infância, já fui astronauta, cientista, escritor, piloto da esquadrilha da fumaça. No meu aniversário de 3 ou 4 anos, ganhei uma bateria de brinquedo. Logo depois um laboratório de quí­mica, mais tarde um jogo alquimista. Colecionava cartões de figuras do já finado Chocolate Surpresa, que trazia temas dos mais diferentes filos do reino animal. Lembro bem da série com esponjas (Domí­nio Eukaryota, Reino Animalia, Filo Porifera).

Já na pré adolescência, depois de ter sido apresentado a Beatles – com uma fita cassete dos seus Greatest Hits, que ouvia de forma incessante -, ganhei um microscópio de brinquedo, desses que vendem em livrarias com lâminas já preparadas de fibras de tecidos de algodão, nylon, ou uma perna de formiga. Nesta época, as paixões fulminantes por meninas de 12 anos ousadas demais para um menino de 11 anos quadrado demais trouxeram o hábito de se ouvir rock demais.

Se eu pudesse escolher um instrumento pra tocar, qual eu escolheria?

Me fiz essa pergunta em algum momento do ano de 1992. Já tinha tido aulas de teclado, que não me agradaram em nada – o teclado acabou guardado em alguma prateleira, empoeirado. Não fui com a cara da professora. Não me sentia capaz de controlar os dedos no braço de um violão ou guitarra. Força de vontade pra instrumentos de sopro? Hm, não. Tinha ritmo. Tinha uma capacidade paranóica e compulsiva de contar passos. Compassos.

Contrariando vontades maternas iniciais, acabei biólogo por escolha, baterista também por escolha e insistência. Fotógrafo porque sim. Blogueiro por necessidade. Professor de inglês por dom. Simpatizante por Budismo por curiosidade. O que me moveu sempre foi o desafio. A vontade de provar que posso fazer bem algo que nunca fiz. O que me guiou foram os detalhes jogados na minha mão, por minha mãe, na infância. Sou um reflexo daquilo. Não existe escolha fixa, não quero viver preso a uma só faceta.